quinta-feira, 2 de abril de 2009

Contraponto

Vejo essas pessoas,
Essas que eu tanto impeço que falem comigo
e que me sintam, que me saibam, que se aproximem de mim.
E tento descobrir de onde vem este descaso pelo afeto que me entregam.

Vejo essas pessoas,
Essas que eu tanto quero que falem comigo
e que me sintam, que me saibam, que se aproximem de mim.
E tento descobrir de onde vem esta ânsia pelo afeto que me negam.

Nenhum comentário:

Postar um comentário