quinta-feira, 2 de outubro de 2014

III Concurso de Poesia Autores S/A

Quando o III Concurso de Poesia Autores S/A foi aberto, 562 poetas se inscreveram. Gente de todo o país, e ainda de Portugal, Angola, Itália, Canadá, Japão. 
Tive o prazer de estar entre os 80 selecionados para dar início à competição. Meu poema Vida, que está aqui no blog, foi selecionado em 5º lugar. 
Agora, dos 77 que aceitaram prosseguir, apenas 32 serão escolhidos hoje para seguir competindo. Os 32 competidores que ficarem serão divididos em oito grupos de quatro pessoas, e novos desafios temáticos serão lançados. 
Não sei se serei ou não selecionada. Só há poemas bons e a disputa está difícil. Mas, de qualquer maneira, deixo aqui o poema que enviei para a segunda etapa, e convido aos que gostarem de poesia para acompanhar até o final esse concurso emocionante, que vai trazer, a cada semana, novos poemas de autores para todos os gostos.
Acompanhem cada passo da competição em: 

autoressa.blogspot.com.br

----------------
(tema escolhido: Suicídio)

à francesa 

fecho a janela 
aos quinze andares de remorso 
{tempo demais para pensar no corpo 
que se espatifa sobre o asfalto 
no parapeito, enfileirados 
brancos 
comprimidos sem cheiro 
— formigas perfiladas, dúzia  
de causas e (e)feitos 
colaterais 
: choro, vômito, frêmito 
arrependimento 
(esse voltar ao vício de sobremorrer  
a conta-gotas 
na lata idosa sob o tanque [em stand by 
a cicuta líquida dos ratos em oferta 
: um trago sem gelo; um rio de entranhas  
caudalosas, pasta ácida 
flácida, que reduz à metade a moeda 
de Caronte 
{meia paga/meia travessia — e o Estige é fundo} 
mas é o falo de metal francês da Laguiole 
afiada que não hesita e entalha [nos pulsos tatuados 
o mapa de Paris   
das veias acalmadas 
um Sena vermelho-expressionista 
jorra


Um comentário: